Fabrica de Resultados Fabrica de Resultados

Muita empresa, para poder apresentar seu Plano de Ação, precisa montar a sua famosa apresentação. Mas percebi que a grande maioria das pessoas não sabe direito como montá-las, estrutura-las e apresenta-las. Pensando nisso, montei um post para mostrar o passo a passo de uma boa apresentação. Segue lá!

Tenha conhecimento do que será apresentado.

Essa dica parece óbvia, mas te garanto: A grande maioria das pessoas não está preparada para fazer a sua própria apresentação. Mas por que? Acredito que seja pelo simples fato dela não se colocar no lugar da pessoa para quem a apresentação está sendo dada. Temos que pensar que a pessoa seja um dos dois extremos: Ou ela não sabe nada sobre ou tema, ou ela é expert no assunto.

Pensar nisso nos ajuda a elaborar questões para podermos responde-las. Resumindo, temos que pensar em questões complexas e questões óbvias para que estejamos preparados para todo o tipo de pergunta que será feita acerca do assunto.

Não tenha medo de sua apresentação.

O medo de errar é suficiente para dar calafrios e ensopar de suor a camisa de muito profissional por aí. Isso porque ele pode ter medo de palco ou pelo simples fato de não se achar preparado para o assunto (esse segundo pode muito bem ser solucionado pelo primeiro tópico que eu levantei aqui).

Porém, caso você tenha consciência do que está falando mas, mesmo assim, continue com medo de fazer a apresentação aconselho a você procurar um psicólogo ou psicanalista para tratar desse assunto. Não é nada vergonhoso. Inclusive, reconhecer essa dificuldade pode te colocar a frente de muito profissional por aí.  Uma dica que eu aprendi com um amigo tímido é: “Já que você é tímido então nada de gracinhas durante a apresentação. Seja direto, por que assim você não se perde e acaba logo!”

Use ferramentas de apresentação                    

Você já deve conhecer inúmeras ferramentas que podem ajudar a montar sua apresentação como o Power Point, o Prezi, Keynote, entre outras. Eu mesmo tenho muito mais facilidade em usar o Power Point, mas isso não muda o fato de que todas essas ferramentas são muito boas e podem dar muita qualidade e beleza para a sua apresentação.

Reforçando, você precisa ter conhecimento sobre a ferramenta que será utilizada. Por isso, aconselho sempre a todos a fazer cursos de qualificação para essas ferramentas. Existem tanto cursos gratuitos (disponíveis no YouTube, por exemplo) quanto pagos, que podem até serem anexados ao portfólio da sua empresa, podendo assim diferenciá-lo em relação à outros no mercado de trabalho.

Monte um roteiro

Para que você possa passar todo o conteúdo para os seus ouvintes, é crucial que você tenha um roteiro na sua apresentação com começo, meio e fim (ou, se preferir, introdução, desenvolvimento e conclusão). Falo isso porque, a falta de roteiro pode, muitas vezes, deixar a informação fragmentada fazendo com que o ouvinte não capte toda a mensagem. Ou pior! Ele pode perder o interesse no assunto. Outro problema trazido pela falta de roteiro é que você pode se perder em sua apresentação o que horrível para sua apresentação e, consequentemente, sua credibilidade.

O problema das apresentações tradicionais é que elas não têm raciocínio estruturados, sendo apenas tópicos sem ligação entre si. Sugiro que, para montar seu roteiro, você pense nessas seis perguntas: “O quê, Quem, Onde, Quando, Como e Por Quê”.

Utilize recursos visuais

Toda apresentação boa tem que fazer uso de imagens, gráficos, diagramas, fluxografias, vídeos, etc. Todas essas ferramentas trazem leveza ao objeto apresentado além de embelezá-lo. Não obstante, o uso desse recurso pode te ajudar a exemplificar conceitos que talvez sejam muito carregados de nomes e, por isso, podem causar estranheza e desinteresse por parte do público.

As imagens em uma apresentação podem ser de dois tipos: Ilustrativa e Metafórica. Ela é ilustrativa quando, por exemplo, você fala de commodities e coloca a imagem de batatas para ilustrar a transação. Já a metafórica acontece quando você está dizendo que determinado projeto é complexo e mostra a imagem de inúmeras engrenagens entrelaçadas. Por isso, é importante sempre avaliar qual dos tipos de imagem casam melhor com a sua fala.

Tente durar o mínimo possível para apresentar

As vezes minhas apresentações ultrapassam três horas de duração. Mas acredito que esse não deva ser o ideal. Se for em uma reunião, por exemplo, acredito que a sua apresentação não deva demorar mais do que 25% do tempo do encontro.

A verdade é que quantos mais rápido você conseguir mostrar o valor do seu projeto ou da sua ideia, maior chance de sucesso você terá. Mas repito: Isso não exclui o fato de que a apresentação possa durar duas ou três horas. Isso porque, se o público estive engajado, uma apresentação pode ser demorada e, mesmo assim, ser muito proveitosa.

Ensaie!

Isso é muito importante! Ensaie até ser capaz de fazer a apresentação sem auxílio da tela. Depois, abra o material que você preparou e ensaie a apresentação tela a tela para sincronizar o discurso com o apoio visual. O objetivo é memorizar o conteúdo sem ficar escravo da tela.

Todos esses ensaios vão te ajudar a pensar nas perguntas que o público possa vir a fazer e como respondê-las. Também tente identificar os pontos da apresentação que podem enfrentar resistência e se prepare para sustentá-los.

Combata os vícios de linguagem

Evite usar o “gerundismo”, ou seja, o uso incorreto da forma verbal do gerúndio (por exemplo, quantas vezes recebemos ligações de atendentes que nos avisam que “vão estar fazendo alterações no plano de internet”. Isso é errado. A forma certa é “farei” ou “vou fazer’). Não use pleonasmos (“subir para cima”, “adiar para depois”), clichês (“fechar com chave de ouro”). O emprego desses vícios geralmente empobrece a apresentação, além de fazer os ouvintes perderem o foco.

Reação do Público

Todo o profissional deve ficar atento a reação do público durante a sua apresentação. Uma dica que eu aprendi com o tempo é que, quem fica se mexendo demais na cadeira ou olhando muito para o relógio ou celular, geralmente está inquieto. Se você perceber que as pessoas estão ficando inquietas, minha dica é: Acelere a sua apresentação!

Fábrica de Resultados

Agência especializada e certificada em Inbound Marketing. Fundada em 2013, desde então vem auxiliando centenas de empresas a venderem mais pela internet.    

Cadastre-se para receber o conteúdo em primeira mão

Nome:

E-mail: